CORDEL PARAÍBA


Publicamos neste espaço/Do poeta renomado/Ao escritor não famoso,

Do doutor ao não letrado./Verso seja rico ou pobre,/Aqui todo mundo é nobre/E seu respeito é sagrado.

Cordelista iniciante/Não fique desanimado/Caso tenha seu poema/Por algum deus desdenhado./Todo e qualquer aprendiz/Tem o direito motriz/De compor verso quebrado.

Bem-vindos, peguem carona/Na cadência do cordel,/Cujo dono conhecemos:/Não é nenhum coronel./O cordel pertence ao povo

/Do velho a sair no novo/Saboreiam deste mel.
(Manoel Belizario)

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Secretário de Cultura do Estado participa do 3º Fórum de Cultura em Cajazeiras

          O Secretário de Cultura do Estado da Paraíba, o cantor e compositor Chico César, esteve na cidade de Cajazeiras no último sábado, 12, na ocasião em que participou do 3º Fórum de Cultura do Alto Sertão Paraibano, FOCA, que aconteceu na Câmara Municipal.
          Chico César reafirmou a importância da criação da secretaria de Cultura pelo governador Ricardo Coutinho e que os recursos por parte da secretaria só serão repassados aos municípios que já tiverem criado as secretarias de cultura, sendo que aqueles que ainda não as possuir, o governo irá trabalhar diretamente com a classe cultural.
          O secretário afirmou ainda que alguns municípios possuirão as regionais de cultura e que nelas haverá um articulador cultural, responsável pelo encaminhamento de projetos e/ou documentos feitos pela classe artística.
          Na ocasião, artistas locais e regionais, de municípios como Pombal, Sousa, Patos, Brejo do Cruz, Catolé do Rocha, Joca Claudino e outros, participaram do fórum e fizeram suas principais reivindicações junto ao secretário, bem como apresentaram projetos e idéias para que as potencialidades de cada região sejam exploradas num âmbito mais amplo por parte da secretaria de cultura.
          O Gerente Executivo de Resgate e Identidade Cultural do Estado, o cajazeirense Rivelino Martins, em conversa com a nossa reportagem, disse que se sente muito feliz em voltar à sua terra natal e falou da importância do fórum: “esse fórum foi um momento ímpar da comunidade artística sertaneja, dialogando com o secretário de cultura Chico César. Um momento em que tivemos representações de diversas cidades do alto sertão paraibano, dialogando sobre questões importantes que se fazem necessárias serem executadas por essa nova gestão. Foi uma discussão completamente democrática, onde o secretário veio de encontro aos artistas, as organizações culturais da sociedade civil, para que se possa ouvir idéias, críticas e sugestões para justamente construir o plano de ação da secretaria de cultura do governo Ricardo Coutinho”.
Após o fórum de cultura, que super lotou o plenário da Câmara Municipal de Cajazeiras, Chico César participou de um jantar promovido pelo presidente da Associação Cajazeirense de Teatro, o teatrólogo Francisco Hernandez.
          Em contato com a reportagem do Paraíba Verdade, Hernandez disse que o fórum foi um sucesso: “estou muito feliz porque Cajazeiras é uma cidade que sempre surpreende aqueles que aqui chegam. O fórum foi um verdadeiro sucesso e toda a classe artística saiu satisfeita. Foi muito proveitoso”, disse.
Visita ao Teatro ICA e participação no lançamento do CD de Gilmar Oliveira
          Após o jantar, o secretário Chico César fez uma visita ao teatro Íracles Pires e recebeu as principais reivindicações feitas pelo diretor Orlando Maia e pelo articulador cultural Osvaldo Moésia.
Para encerrar a agenda no município de Cajazeiras, Chico César participou do lançamento do CD de Gilmar Pontes, no Círculo Operário.

Agenda no Sertão e Cariri
          Nesse domingo, 13, o secretário participou de um rápido encontro com a classe artística da cidade de Sousa, no centro de Treinamento de Cultura. Às 15:00hs participa de uma reunião com artistas e representantes de movimentos, na Fundação Ernâni Sátiro, no município de Patos.
          Já nessa segunda-feira, 14, o secretário Chico César será o convidado de honra da aula inaugural que marcará o início do ano letivo 2011 do Campus VI da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), localizado em Monteiro. A atividade, que será aberta ao público, está marcada para as 11:00hs, no Auditório do Centro de Ciências Humanas e Exatas (CCHE).

Bruno de Lima, do Paraíba Verdade , fonte:apaedesaojoaodoriodopeixe.blogspot.com

Imagem: catolenews.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário