CORDEL PARAÍBA


Publicamos neste espaço/Do poeta renomado/Ao escritor não famoso,

Do doutor ao não letrado./Verso seja rico ou pobre,/Aqui todo mundo é nobre/E seu respeito é sagrado.

Cordelista iniciante/Não fique desanimado/Caso tenha seu poema/Por algum deus desdenhado./Todo e qualquer aprendiz/Tem o direito motriz/De compor verso quebrado.

Bem-vindos, peguem carona/Na cadência do cordel,/Cujo dono conhecemos:/Não é nenhum coronel./O cordel pertence ao povo

/Do velho a sair no novo/Saboreiam deste mel.
(Manoel Belizario)

quinta-feira, 26 de maio de 2011

MEU PRIMEIRO LIVRO

CAPA DO LIVRO

Por Manoel Messias Belizario Neto

Lanço meu primeiro livro,
Compartilho a emoção
Ao vê-lo recém-nascido
Na palma de minha mão
Exalando um cheiro bom
De folheto do sertão.

Cheiro o meu primeiro livro
Compartilho a sensação.
Parece o cheiro da chuva
Assim que afaga o chão.
Parece o orvalho que banha
De manhã a plantação.

Pego o meu primeiro livro.
Pareço até mais criança
Que quando ganha um brinquedo
Brinca, brinca e não se cansa
Passeia no imaginário
Até onde o sonho alcança.

Livro meu, além de livro
És Folheto de cordel.
Homenageias os grandes
Da arte do menestrel
Usando como instrumento
Este humilde Manoel.

Se serás vendido ou não
Não tem maior relevância
Porque você existia
Desde os tempos de infância
Tornar-te realidade
Esta é a grande importância.

2 comentários:

  1. ...traigo
    sangre
    de
    la
    tarde
    herida
    en
    la
    mano
    y
    una
    vela
    de
    mi
    corazón
    para
    invitarte
    y
    darte
    este
    alma
    que
    viene
    para
    compartir
    contigo
    tu
    bello
    blog
    con
    un
    ramillete
    de
    oro
    y
    claveles
    dentro...


    desde mis
    HORAS ROTAS
    Y AULA DE PAZ


    COMPARTIENDO ILUSION
    MANOEL MESSIAS

    CON saludos de la luna al
    reflejarse en el mar de la
    poesía...




    ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE CARROS DE FUEGO, MEMORIAS DE AFRICA , CHAPLIN MONOCULO NOMBRE DE LA ROSA, ALBATROS GLADIATOR, ACEBO CUMBRES BORRASCOSAS, ENEMIGO A LAS PUERTAS, CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER ,CHOCOLATE Y CREPUSCULO 1 Y2.

    José
    Ramón...

    ResponderExcluir
  2. POETA,MEUS PARABÉNS
    PELO BELO LANÇAMENTO
    UM LIVRO É TAL QUAL UM FILHO
    QUE SÓ TRAZ CONTENTAMENTO
    E NOS FAZ REALIZADOS
    POR TODOS ADMIRADOS
    QUANDO DO SEU NASCIMENTO

    ABÇS,

    PPP

    ResponderExcluir