CORDEL PARAÍBA


Publicamos neste espaço/Do poeta renomado/Ao escritor não famoso,

Do doutor ao não letrado./Verso seja rico ou pobre,/Aqui todo mundo é nobre/E seu respeito é sagrado.

Cordelista iniciante/Não fique desanimado/Caso tenha seu poema/Por algum deus desdenhado./Todo e qualquer aprendiz/Tem o direito motriz/De compor verso quebrado.

Bem-vindos, peguem carona/Na cadência do cordel,/Cujo dono conhecemos:/Não é nenhum coronel./O cordel pertence ao povo

/Do velho a sair no novo/Saboreiam deste mel.
(Manoel Belizario)

quinta-feira, 28 de julho de 2011

A POLITICAGEM NA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DA PARAÍBA

FUNDO DO POÇO Por Manoel Belizario

É sabido de todos que na gestão do ex-governador da Paraíba, José Maranhão, a atual oposição praticamente não lia os projetos e aprovava de imediato. E agora com a ferrenha oposição à construção do shopping em Mangabeira fica visível o nível de politicagem alcançada pela assembléia paraibana. Sabe-se que, uma vez construído, o shopping vai gerar mais de três mil empregos. Mas os ditos deputados insistem em fazer oposição por oposição. Afinal de contas eles estão fazendo jus ao fundo do poço milenar no qual a Paraíba foi entregue ao atual governador. Eles estão servindo à política da mesquinharia que dá ao estado a bagatela de 4° lugar no ranking dos estados mais pobres do país. Esta postura egoísta costumeiramente assumida pela maioria dos políticos paraibanos indigna e frustra aqueles que sonham em ver este estado prosperando em todos os aspectos.

O caso da construção
Do shopping de Mangabeira
Onde todo mundo vê
Que a ação é de primeira,
Porém os politiqueiros
Tapam o sol com peneira.

O papel de um deputado,
O cume de sua ação,
Deve estar sempre voltada
Em prol da população,
Mas aqui na Paraíba
Cada um quer seu quinhão.

A ação dos deputados
É altamente egoísta
Pensando no próprio bolso
Numa atitude bairrista
O povo? Ah que se dane!
Eita bando de golpista!

Porém ainda acredito,
Sei que você também sonha
Que este pensar medíocre
Nosso estado transponha
E então possa surgir
Parlamentar de vergonha

Nenhum comentário:

Postar um comentário