CORDEL PARAÍBA


Publicamos neste espaço/Do poeta renomado/Ao escritor não famoso,

Do doutor ao não letrado./Verso seja rico ou pobre,/Aqui todo mundo é nobre/E seu respeito é sagrado.

Cordelista iniciante/Não fique desanimado/Caso tenha seu poema/Por algum deus desdenhado./Todo e qualquer aprendiz/Tem o direito motriz/De compor verso quebrado.

Bem-vindos, peguem carona/Na cadência do cordel,/Cujo dono conhecemos:/Não é nenhum coronel./O cordel pertence ao povo

/Do velho a sair no novo/Saboreiam deste mel.
(Manoel Belizario)

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Projeto da E.E. Clóvis Salgado é escolhido para encontro de capacitação da Magistra (São Sebastião do Paraíso–MG)



 
Trabalho sobre Literatura de cordel abordou personagens como Lampião e Maria Bonita
A Escola.Estadual Clóvis Salgado, de São Sebastião do Paraíso, teve projeto sobre Literatura de Cordel, desenvolvido pela professora Maria Odete Belém Ferreira, selecionado para participar do ‘Encontro para Professores para o Ensino do Uso da Biblioteca nas Escolas da Rede Pública do Estado de Minas Gerais”. O evento organizado pela Magistra (Escola de Desenvolvimento e Formação Profissional de Educadores), acontecerá a partir desta segunda-feira (18/02).
O objetivo do encontro é reunir professores para socializar, dar visibilidade e trocar experiências das práticas desenvolvidas junto às bibliotecas escolares. Foram selecionados 160 projetos ligados à promoção da parceria entre biblioteca e sala de aula envolvendo, por exemplo, laboratórios de informática, sala de multimeios e brinquedoteca. Iniciativas voltadas para temas transversais ligados à vulnerabilidade social, atuação cidadã, meio ambiente, sexualidade, política, cidadania e práticas inclusivas na escola e na sala de aula também foram selecionados. A outra modalidade de projetos está ligada as ações de escolas voltadas para o desenvolvimento cultural por meio do teatro, da literatura, da poesia e da música.
Entre os dias 18 e 22 de fevereiro, educadores de escolas da rede estadual de ensino estarão envolvidos nas diferentes atividades do projeto. Os professores selecionados participarão do ‘Encontro para Professores para o Ensino do Uso da Biblioteca nas Escolas da Rede Pública do Estado de Minas Gerais’ do projeto “Bibliotecas Escolares: Compartilhando experiências de conhecimento e de aprendizagem”. A metodologia do encontro viabilizará o diálogo entre os pares, o compartilhamento de conhecimentos adquiridos nos percursos profissionais e a promoção de mecanismos de colaboração e atuação em rede.
Para Regina Benassi, diretora da E.E. Clóvis Salgado a notícia de que o projeto Literatura de Cordel foi um dos 160 selecionados em toda Minas Gerais para participar da capacitação foi recebido com muita satisfação. “Ficamos surpresos, pois foi uma indicação da própria Superintendência Regional de Ensino que vem coroar todo o empenho e dedicação dos nossos professores, dos alunos, enfim a escola toda está muito feliz”, comenta. O trabalho foi idealizado pela professora que atua na biblioteca Maria Odete Belém, que depois foi repassado para outras colegas e por elas desenvolvido conjuntamente.
Conforme a professora Linea Moretti Mattoso Pinheiro, que leciona Conhecimento das Artes, da Cultura e da Linguística, “foi uma atividade prazerosa de ser desenvolvida, mesmo com os alunos não tendo muita familiaridade, com o assunto, mas eles assimilaram muito bem”, avalia. A professora Maria Odete passou como que funciona a sextilha, a quadra, poemas e repentes. “O resultado foi muito bonito com a apresentação que foi feita no nosso teatro para toda a escola e a comunidade através da dança do carimbo e do cangaço, com representações de Maria Bonita e Lampião”, acrescenta. Também participa do projeto a professora Elaine Maria Novaes Nasser, que leciona Metodologia da Aprendizagem e Prática de Língua Portuguesa, Alfabetização, História e Geografia.
Neste domingo as professoras Linea Mattoso e Margareth Bertolini Fiori, que representará Maria Odete Belém, seguirão viagem para participarem da capacitação. O encontro, que será realizado no Hotel Fazenda Canto da Siriema, em Jaboticatubas, contará com mesas redondas com pesquisadores convidados, apresentação dos trabalhos selecionados, além de minicursos e oficinas ministradas por especialistas na área. O evento é promovido pela Magistra - Escola de Desenvolvimento e Formação Profissional de Educadores -, em comemoração ao aniversário de um ano da escola.
Colhido na seguinte fonte:: Jornal do Sudoeste






Nenhum comentário:

Postar um comentário