CORDEL PARAÍBA


Publicamos neste espaço/Do poeta renomado/Ao escritor não famoso,

Do doutor ao não letrado./Verso seja rico ou pobre,/Aqui todo mundo é nobre/E seu respeito é sagrado.

Cordelista iniciante/Não fique desanimado/Caso tenha seu poema/Por algum deus desdenhado./Todo e qualquer aprendiz/Tem o direito motriz/De compor verso quebrado.

Bem-vindos, peguem carona/Na cadência do cordel,/Cujo dono conhecemos:/Não é nenhum coronel./O cordel pertence ao povo

/Do velho a sair no novo/Saboreiam deste mel.
(Manoel Belizario)

quarta-feira, 7 de abril de 2010

DIA MUNDIAL DA SAÚDE


População brasileira
Neste dia mundial
Da saúde, como anda
O sistema oficial:
Ele esta passando bem,
Ou está passando mal?

Só sabe a situação
Quem precisa do Sistema
Único de Saúde – SUS –,
Conhece o real problema.
Pouco é feito em função
Da solução deste tema.

Leitor eu estou falando
Da saúde popular
Destinada a quem não tem
Dinheiro para pagar
Uma consulta ou exame
Em órgão particular.

O problema se inicia
A partir do atendimento
O profissional da área
Trata o povo desatento.
Deixa o coitado à espera
Com o seu trabalho lento.

Remédios em escassez.
Hospitais superlotados.
Marca-se um exame hoje,
Faz-se com um mês atrasado.
Meu Deus abençoe àquele
Que precisa do Estado.

A saúde no Brasil
Devia ser, na verdade,
Posta em 1° plano
Como a prioridade
Principal, pois sem saúde
Não se tem felicidade.

Tanto governo que passa
E o problema perdura.
O pobre sofre doente
Lutando por sua cura.
Seu destino é quase sempre
A rua da amargura.

Autor: Manoel Messias Belizario Neto
Fonte imagem: http://www.riocontradengue.com.br/edite/EditeImagem.asp?Nome=FOTO1&EditeCodigoDaPagina=894 





3 comentários:

  1. Parabéns pelo blog. Falar ao público "em cordel" além de ensinar e informar, divulga a nossa cultura. Às vezes esquecida pelo agressivo processo de inculturação pelo qual passamos nos tempos hodiernos.

    Abraços, André Agra (Blog Tempos do Imaginário) http://andreagraagra.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Obrigado André. Creio que os poetas de cordel devem traçar novas estratégias de divulgação desta cultura.Que perdeu espaço, mas não perdeu a qualidade.

    ResponderExcluir
  3. legal lagal mas nao muito legal mnas legal
    kkkkk
    to brincando ta otimo

    ResponderExcluir